1.30.2012

Dimas sem bike




Sintra em geral (e os Dimas em particular) também são muito agradáveis sem bike. Mas confesso que passar ali a pé me faz uns formigueiros....:-))

1.25.2012

Manutenções - ainda há boas noticias!

Sábado de manhã não tive tempo para ir fazer passeio mais longe e portanto lá fui a Sintra o que não é nunca um sacrificio. Começo a subir as pontes e logo para abrir as hostilidades, uma enorme árvore ramificada a obstruir o caminho. Daquelas que o meu serrote sózinho não dá conta! Ok, alterei o percurso e lá fiz a volta toda sem mais obstáculos (e já agora, que volta! Subi imenso, desci outro tanto, diverti-me ainda mais). Ficou por resolver o problema da árvore pelo que 2f lancei o alerta aqui na malta das manutenções para irmos lá limpar. Qual não é o meu espanto e surpresa quando os nossos serviços de informação reportam que já estava o assunto tratado por 2 carolas que devem ter perdido um bom par de horas em limpezas! A esses 2 o meu agradecimento público. Não só pela tarefa mas por mostrarem que há mais quem faça as coisas pelo gosto, que não se preocupam apenas em usufruir!! Por não terem desmoralizado enquanto outros passavam por eles sem oferecer uma ajuda ou sequer dizer um obrigado!

1.18.2012

Miúdas e bicicletas


As bicicletas são uma coisa linda, as miúdas também. Juntando as duas podemos ter algo belíssimo como este blog - http://chicksandbikes.blogspot.com. Só fotos de miúdas e bicicletas, do desportivo ao sério, do cycle chic ao quase hardcore, do divertido ao artístico. Vale a pena uma visita.
E já agora, com uma banda sonora apropriada:
http://www.youtube.com/watch?v=nQN7shPv4oM
Enjoy :-)

1.16.2012

Batidas de Inverno

Amachete em monsanto


Não, não é nenhuma notícia bombástica sobre Monsanto. Apenas o meu relato deste sábado em que aproveitei uma curta e inesperada janela de tempo para dar uma volta em Monsanto antes do final do tempo não chuvoso. O terreno mesmo assim estava ainda bastante pesado mas não a ponto de colar e/ou enlamear. Foram 2h de treino, sempre a pedalar rápido, tanto que até senti por várias vezes as cãibras a espreitar. E como a aderência estava boa, foi um corre-corre para conseguir ir a todos os single-tracks e descidas “clássicas” de Monsanto. Muito bom!
Agora em trilhos distintos deu para validar as observações prévias dos rolamentos amachete. Não posso dizer que a performance tenha melhorado significativamente ou que, pela sua presença, me foi mais fácil fazer isto ou aquilo. Mas voltei a ter a sensação de um funcionamento mais suave do amortecedor. Parado, se levantar a traseira da bicicleta pelo espigão de selim sente-se uma ligeiríssima folga o que é normal considerando que, ao contrário dos casquilhos, o ponto de contacto não está sob pressão. No entanto, isto pode fazer confusão a quem não consegue sentir a mínima folga no seu quadro (certo, mr G…? :-). Quanto aos O-rings, a firma recomenda a substituição anual o que me parece mais do que razoável (já agora o apoio técnico que recebi até agora tem sido óptimo). Todo o conjunto é fácil de instalar (mais do que parece pelo manual de instruções) e os o-rings não devem demorar mais de 10 min a substituir.

Extremidades quentes


Reforço de inverno para manter as extremidades quentes. As Adidas (da esquerda) mais para a mota, as Specialized mais para a bike.

1.13.2012

1.10.2012

Queimar filhós

A primeira volta do ano em terra foi, claro, em Sintra. Não é só porque fica perto que vou lá tanto, é mesmo porque gosto! Fui com Mr A para lhe mostrar trilhos que ele nem conhecia e outros que já nem se lembrava. E com ele veio a dupla da serra de Aire, A&M, pessoal porreiro, com andamento XC mas pouco AM :-)). Mas aguentaram estoicamente os troços mais técnicos que fizeram a pé. Antes isso que se espetarem! Fizemos cerca de 4h com 1200m de acumulado, algumas paragens para reforço energético (não muitos que ainda é tempo de "queimar" o excesso de filhós do natal e Ano Novo), compassos de espera e apreciar a paisagem que o mar no Abano estava lindo.
Linda continua a minha Titus que não estranhou os rolamentos novos no amortecedor e até gostou. Mas ainda é cedo para uma opinião precisa.
E se o ano que agora entra correr todo como este passeio... :-)))

1.06.2012

Casquilhos vs rolamentos - amachete.com


A última folga que a Motolite ainda exibia resultava de um casquilho do amortecedor já gasto. Ao invés de o substituir por um idêntico, vou testar uma solução nova, um kit de rolamentos providenciado pela firma AMACHETE, mais uma inovação MegaAventura :-))
É suposto providenciar um funcionamento mais macio do amortecedor e não ter o desgaste dos tradicionais casquilhos; em termos de peso são cerca de 80g a mais relativamente ao conjunto dos casquilhos. Estou curioso e o teste será no próximo domingo. Para já, a única cautela é sobre a durabilidade dos O-rings embora esses sejam de fácil substituição. O relatório fica para daqui a umas semanas.

1.04.2012

Primeiro do ano

Ciclisticamente, 2012 iniciou-se da mesma forma que 2011. Na Diamond Back, uma volta de estrada para apurar forma e perder algumas gramas após o já habitual "stuffing" da última semana de Dezembro. E claro, também o programar de algumas actividades para mais um ano. Já se fez a pré-inscrição numa maratona, a "wishlist" de umas peças, enfim, o normal.
E enquanto pedalava ontem no regresso a casa lá fui revendo os pontos altos de 2011: as provas feitas, os Kms percorridos, os passeios com os amigos, a evolução da técnica e da forma, a inexistência de lesões, etc, etc. Por aí foi (novamente :-) um bom ano. E no resto foi melhor :-)